Gargantilha de ouro com pingente. Como usar?

Gargantilha de ouro com pingente como usar

Quem não deseja ter o pingente sempre pendurado no pescoço que a vovó deu quando nasceu? Tudo começa exatamente aí.

As gargantilhas de ouro são parte da cultura dos últimos 300 anos, e para outras culturas mais antigas ainda, não necessariamente de ouro, de outros materiais, mas tão importantes quanto.

Normalmente é o primeiro presente do bebê, com a certeza de que, sendo de ouro, estará sempre presente e certamente será passado para as futuras gerações. Essa é a magia do ouro.

Por não ser perecível, transforma o ato do presente também em algo eterno. Na verdade, muitos povos nos últimos 3000 anos, enterraram seus queridos com esses cordões com pingentes, tão importantes, e que fizeram parte da história destas pessoas e para eles, vão lhes proteger nos pós morte.

O pingente vem regado de muito significado para quem dá.

Pode ser figuras arquétipos de proteção ou arquétipos da fé dentro da cultura da família. Também é muito comum nos ritos de passagem da primeira infância, dar de presente, justamente estas peças que fizeram parte dos antepassados. Por quê?

O ato de dar uma joia que pertenceu ao um antepassado abre a janela para se falar destas pessoas que já morreram, mas que na verdade, ainda vivem na memória dos filhos, netos e amigos íntimos. Contar histórias importantes, tristes ou alegres, que fizeram uma enorme diferença na vida destas pessoas, tudo isso simplesmente porque está se repassando uma joia de ouro de família.

 Isso sempre me emocionou muito...

Exemplos de Gargantilha de ouro com pingente e como usar

pingente de gargantilha de ouro

Agora, se falamos de tendências de moda, a gargantilha com pingente está atualmente protagonista em todos os estilos e todas as tribos.

A gargantilha atrai a atenção para o rosto, ilumina e enfeita.

Eu me lembro de uma senhora muito atraente, muito “antenada” e muito inteligente que me pediu, anos atrás, uma gargantilha com pingentes de bolas enormes, e quando eu perguntei o porquê, ela me disse, que era para ninguém olhar o seu pescoço, com a enorme gargantilha ela conseguiria distrair os olhares para ela, e assim tirar o foco do seu ponto fraco, nunca me esqueci desta história....

No pescoço é tradicionalmente onde usamos mais claramente nossos sinais de personalidade. Pode se dizer que é território livre, onde democraticamente se demonstra o que queremos impactar no outro.

Gargantilhas de pingentes delicados bem curtinhos, enfeitam o look das pessoas de estilo mais clássico ou mais tímidas. Com elas podem também usar uma segunda gargantilha mais longa que componha o visual do modelo da roupa. Evidenciando assim um capricho maior com a aparência.

Exemplos de gargantilhas para esse tipo de pessoa com a mentoria de estilo de Márcia Mór Joias.

gargantilha de ouro

Gargantilhas estilosas com muitos pingentes próximo ao pescoço, normalmente é a opção para pessoas profissionais que gostam de usar sempre a mesma peça. Não tem tempo para pensar e gostam de gargantilhas para usar em todas as ocasiões.

A mentoria de estilo da Márcia Mór Joias indica essa gargantilha para este caso:

gargantilha com pingente

Outro tipo de composição de gargantilha de pingente seria usar uma peça curta mais estilosa, que carregue em si um look de impacto, mas absorvendo lindamente a possibilidade de se fazer um mix de outros modelos construidos com pingentes amarradinhos, incrementando e harmonizando todo visual.

Para entender esse exemplo a mentoria de estilo de Márcia Mór Joias mostra esse cnjunto:

gargantilha de ouro 18k com pingente

Conclusão, o estilo é livre, vale tudo, entretanto, é uma arte se representar com seus acessórios, sobrepondo muitas gargantilhas prazerosamente e com sofisticação.

Pague com
  • Pagar.me V2
Selos

Márcia Mór Native Collection Ltda - CNPJ: 03.780.433/0001-03 © Todos os direitos reservados. 2021


Para continuar, informe seu e-mail

Desenvolvimento: